Textos


SALVE AO DIA DOS PROFESSORES:
Um insulto, uma afronta ou ultraje?
(15 DE OUTUBRO DE 2017)
                          Professor e poeta BIRCK JUNIOR 
 
No Brasil atual do século XXI
SALVE AO DIA DOS PROFESSORES!
Não lhe pagam menos porque a lei não
Permite,
Os alunos bárbaros não lhe batem mais
Porque lhes faltam forças.
Os pais só vão ao colégio em dois dias do ano:
No dia da matricula e no dia em que vão se Ajuntar aos filhos mimadinhos para quebrar a Professora na porrada.

 
Na política nenhuma obra se ergue sem se
Pagar propina ao político e na escola nenhuma Prova é feita sem que o alunado cole nela.   
Na aula sobre a ética estudantil o mestre manda Buscar o livro na biblioteca? E recebe a noticia: Roubaram ao livro, professor!     
O estudante que perde na avaliação escolar
O culpado é o professor e não o aluno.
O tempo todo ficou assistindo televisão,
No dia do teste perdeu, mas depois a mãe

Ainda foi tirar satisfações com a professora.
O filhinho agrediu ao colega, mas a mãe do Marginal foi ao colégio pedir punição também Para o colega agredido.  
 
O nosso sistema de ensino só não é o pior do Globo porque a educação da Turquia insiste

Em não nos da o troféu de pior educação do Mundo.  
Não há hipocrisia maior, do que a falsidade do Brasil, um país campeão mundial de agressão
Aos prodessores, falar em festejar ao dia do Mestre. Isso é um insulto aos professores.  
É como se um estuprador festejasse ao dia Internacional da mulher ou um pedofilo Comemorasse ao dia das crianças!
Ou até mesmo um feitor parabenizando
Ao escravo pela abolição da escravidão.
            

No Brasil vigente do século XXI, a nossa escola
É do século XIX, o professor do século XX e as Estudantes do seculo XXI.
As salas de aula são como jaulas cheias de leões,
O professor um domador de bichos sem poder Usar o chicote, sem plano de saúde mental, sem Seguro de vida, sem insalubridade contra o Ambiente doentil, sem habeas corpus preventivo Em caso de agredir um santo aluno e

Ganhando um salário de gari para domesticar “Feras mimadas pelas mães” que não aceitam
“Limites” e nem “não” como resposta!
 
Enquanto os deputados “fingem” que trabalham
E recebem 33.736,00 reais como se trabalhassem,
Os professores que trabalham 40 horas mensais,
“Fingem” que são remunerados e ganham de
Pro labore ao salário equivalente de gari ou
Seja um mínimo e meio...  


SALVE AO DIA DOS PROFESSORES:
UM INSULTO, UMA AFRONTA OU UM ULTRAJE? 

 
     
 
 
 
Birck Junior
Enviado por Birck Junior em 14/10/2017
Alterado em 14/11/2017

Música: Zé Ramalho - Admirável gado novo (Clip original 1979) - Zé Ramalho

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários